Alvará Cocho D`Água – LMT 23 - Nasc.: 25/10/2006 - Peso: 903 kg - Kappa Caseína: AB - Beta Lactoglobulina: AB - Touro Gir leiteiro PO (FIV/TE) do plantel da Fazenda Estrela do Sul - Filho de CA Sansão (1° do Ranking ABCGIL/EMBRAPA 2006, 2007, 2008, 2010, 2011; 2012; 2013; 2015; 2016); 1° do Ranking ABCZ/UNESP 2009, 2010, 2011, 2012, 2013, 2014, 2015, 2016). Neto materno de Radar (1°do ranking ABCZ/UNESP 2005, 2006, 2007 e 2008). Neto paterno de Everest (1° do Ranking ABCGIL/EMBRAPA 1993). Filho de Manhosa TE dos Poções (Radar x Paquera), tem lactação de 6.599 kg de leite em 365 dias e valor genético de 1.775,4 kg. É irmão próprio (Sansão x Manhosa) de Atleta Cocho D`Água, 2° do Ranking ABCGIL/EMBRAPA 2018; Atlanta Cocho D`Água (lactação oficial ABCZ de 8.588 kg) e Alba Cocho D`Água (lactação de 10.806 kg).

FAZENDA ESTRELA DO SUL - NOVA MÓDICA - MG

Bem-vindo ao nosso site!

Fazenda Estrela do Sul - Nova Módica - MG - Desde 1951
"PRODUZINDO LEITE A PASTO"
Filiada à Associação Brasileira dos Criadores de Zebu - ABCZ

CONTATO 

fazendaestreladosulmg@yahoo.com.br 

                             WhatsApp (31)999922851                                        

 Missão 

 Selecionar o rebanho Gir leiteiro e Girolando para a produção de leite a pasto com produtividade e   sustentabilidade, gerando lucro e respeitando o meio ambiente.

 Visão 

 Seguiremos selecionando o nosso rebanho utilizando a genética de primeira linha das raças Gir leiteiro   e Holandesa, formando fêmeas girolando de alta capacidade para produzir leite a pasto.


Foco no negócio: 
Venda de tourinhos Gir leiteiro PO registrados. 
Venda de bezerras e novilhas girolando e mestiças, adaptadas para produção de leite a pasto em regiões tropicais, quentes e montanhosas!

                            ARTIGOS PUBLICADOS

Produção de leite: silagem com nova cultivar (BRS CAPIAÇU) é 57% mais barata que milho.

Cultivar desenvolvida pela Embrapa, apresenta maior produção de matéria seca e um menor custo em relação ao milho e a cana-de-açúcar. Esse valor é 57% inferior ao custo de produção da silagem de milho, 42,3% da cana-de-açúcar e 43,7% do sorgo. A silagem deste capim constitui uma alternativa mais barata para suplementação do pasto no período da seca. Confira!

https://agronewsbrazil.com.br/producao-de-leite-silagem-com-nova-cultivar-e-57-mais-barata-que-milho/

SILAGEM DE CAPIAÇU, VALE A PENA? 

17 de janeiro de 2020

A cultivar BRS Capiaçu é um clone de capim-elefante (Pennisetum purpureum Schum) de alto rendimento para suplementação volumosa na forma de silagem ou picado verde!

Leia mais em: https://www.comprerural.com/silagem-de-capiacu-vale-a-pena/

Domando a chuva para garantir água no sertão

Construção de pequenas barragens para armazenar enxurrada no período chuvoso vem sendo usada como forma de combater os efeitos da estiagem prolongada em regiões áridas do país.

Matéria completa em: 

https://www.em.com.br/app/noticia/agropecuario/2019/12/23/interna_agropecuario,1110093/domando-a-chuva-para-garantir-agua-no-sertao.shtml

ESCOLHER O CAPIM IDEAL PARA PODER IMPLANTAR NA PROPRIEDADE PARA ALIMENTAR O REBANHO   É SEMPRE UMA TAREFA COMPLICADA, VAMOS TE AJUDAR A RESOLVER!

O Brasil possui o maior rebanho comercial do mundo e a pecuária é um dos mais importantes pilares da economia do pais. Apesar da crescente onda do confinamento, quase 80% do gado é criado a pasto, ou seja, temos uma grande oportunidade pelo tamanho das áreas, relevo e clima serem propícios a isso. Mas, ser eficiente na criação do gado a pasto começa na escolha correta do capim ideal para o gado. Diante disso, separamos aqui a resposta para “qual capim ideal para a nutrição na minha propriedade?”

Leia mais em: https://www.comprerural.com/capim-ideal-para-nutricao-do-gado-na-fazenda/

               FAZENDA ESTRELA DO SUL PRODUZ 
          LEITE A PASTO E ENERGIA FOTOVOLTÁICA

Fazenda Estrela do Sul - Nova Módica - MG continua "PRODUZINDO LEITE A PASTO" e, agora, produz a sua própria energia limpa e renovável. 
Inauguramos uma UNIDADE DE MICROGERAÇÃO DISTRIBUÍDA (Central geradora de energia elétrica) com potência instalada de 13,8 kWp e Pay back estimado em até 48 meses. 

FONTES: http://www.cemig.com.br/pt-br/atendimento/corporativo/Paginas/micro_minigeracao.aspx

Veja no vídeo como funciona o sistema de energia solar fotovoltaica conectado a rede da sua residência, comércio ou indústria. Esse sistema de gerar energia vai lhe possibilitar gerar a sua própria energia elétrica e praticamente acabar com a sua conta de luz! Entender como funciona a energia solar é um importante requisito para a aquisição ou montagem de um sistema de captação de energia solar.

FONTE: https://www.portalsolar.com.br/


REDE DE FAZENDAS PROTEGIDAS


Matéria interessante sobre uma REDE DE FAZENDAS PROTEGIDAS com a utilização de um aplicativo. 

Já existe um convênio com a PMMG.

https://youtu.be/wnVOv3ZbYDw


Silagem em sacos

Como a silagem em sacos é uma tecnologia recente, ainda há muitas dúvidas sobre a sua utilização em larga escala devido ao custo elevado e muitos problemas a serem corrigidos, tal como, o reduzido tempo de estocagem devido ao risco de deterioração aeróbia. Mas não há dúvidas de que o comércio de silagem em pequenas quantidades surgiu como tecnologia benéfica aos produtores.

https://www.milkpoint.com.br/colunas/thiago-fernandes-bernardes/silagem-em-sacos-100733n.aspx

CHINA ABRE MERCADO PARA LEITE EM PÓ 

E QUEIJOS DO BRASIL


A China abriu mercado para os produtos lácteos brasileiros. Os chineses habilitaram 24

estabelecimentos brasileiros para exportação de produtos como leite em pó e queijos

Queijo

Queijo 

A China abriu mercado para os produtos lácteos brasileiros. Os chineses habilitaram 24 estabelecimentos brasileiros para exportação de produtos como leite em pó e queijos. O anúncio foi feito pela ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) nesta terça-feira (23).

A ministra destacou que a abertura do mercado irá impulsionar a cadeia produtiva do leite. "Acho que é uma notícia excepcional para o setor leiteiro que passa por um momento muito difícil, sem esperança. E isso traz esperança para a indústria de leite", comemorou. 

Atualmente, há 1,2 milhão de pequenos produtores de leite no Brasil. "Fiquei muito feliz e gostaria de passar essa boa notícia para os produtores brasileiros, que estão vivendo um momento difícil, acabaram de perder R$ 0,30 no litro de leite, e agora vão poder ter a perspectiva. É claro que não é para amanhã, mas é uma abertura excelente para o Brasil". 

Tereza Cristina destacou que "o Brasil sempre quis ter acesso ao mercado chinês, para poder tirar o produto do Brasil, melhorando, inclusive o preço dos produtores brasileiros”.

A certificação estava acordada com a China desde 2007, mas não havia nenhuma planta brasileira habilitada a exportar. Na viagem que fez ao país em maio, o assunto foi uma das prioridades da ministra. O Brasil produz 600 mil toneladas de leite em pó. Os chineses, maiores importadores de lácteos do mundo, compram 800 mil de toneladas do produto. 

Antes, em abril deste ano, o ministério havia encaminhado a lista dos 24 estabelecimentos ao país asiático. Entre os produtos que poderão ser exportados estão não fluidos, como leite em pó, queijos e leite condensado. "Queijos brasileiros poderão ser exportados e, com isso, regulamentar o mercado de leite brasileiro”, ressaltou Tereza Cristina. Com a habilitação dos estabelecimentos, a expectativa do setor é exportar US$ 4,5 milhões em produtos lácteos, como queijos e leite em pó, estima a Viva Lácteos - Associação Brasileira de Laticínios.

Em 2018, os chineses importaram 108 mil toneladas em queijos, com um crescimento médio anual de 13% nos últimos cinco anos. 

O setor lácteo brasileiro exportou, em 2018, para mais de 50 destinos. Antes da abertura do mercado chinês, o setor já vinha investindo no ingresso dos produtos na China, por meio da participação em feiras. 

FONTE: 

Coordenação-geral de Comunicação Social

imprensa@agricultura.gov.br


SELO ARTE VAI BENEFICIAR 170 MIL PRODUTORES 

DE QUEIJOS ARTESANAIS

      Decreto atualiza legislação e permite venda para outros estados

      Cerca de 170 mil produtores de queijos artesanais de todo o país vão poder vendê-los a outros estados. O presidente Jair Bolsonaro assinou hoje (18) decreto que regulamenta o Selo Arte, que numa primeira etapa será aplicado em produtos lácteos, como queijos.

VER EM: http://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2019-07/selo-arte-vai-beneficiar-170-mil-produtores-de-queijos-artesanais

Vantagens e desvantagens da inseminação artificial

Quais as vantagens de se utilizar a inseminação artificial em rebanhos leiteiros?


BRS ZURI 

Uma gramínea forrageira derivada de Panicum maximum superior à cv. Tanzânia. Apresenta alta produtividade, vigor, tolerância moderada ao encharcamento do solo e resistência às cigarrinhas das pastagens.

Manejo no Sistema Intensivo de produção de leite a pasto 

EMBRAPA GADO DE LEITE - 2019

Este Comunicado Técnico esclarece para os visitantes como é realizado o Manejo do Sistema Intensivo de Produção de Leite a Pasto da Embrapa Gado de Leite (SIPLP) de forma simples e objetiva.

Mundial de Queijo 2019 na França 

50 MEDALHAS PARA MINAS

FAZENDA ESTRELA DO SUL

CLIMATOLOGIA

Nova Módica - MG

Os dados apresentados representam o comportamento da chuva e da temperatura ao longo do ano. As médias climatológicas são valores calculados a partir de uma série de dados de 30 anos observados. É possível identificar as épocas mais chuvosas/secas e quentes/frias de uma região.

Mês

Mínima

(°C)

Máxima

(°C)

Precipitação

(mm)

Janeiro

20°

28°

189

Fevereiro

20°

28°

106

Março

20°

27°

134

Abril

19°

26°

71

Maio

18°

25°

30

Junho

16°

24°

15

Julho

16°

25°

19

Agosto

17°

26°

21

Setembro

18°

27°

36

Outubro

19°

29°

88

Novembro

20°

27°

184

Dezembro

20°

28°

226

Anual

-

-

1.119

 FONTE: http://www.climatempo.com.br/climatologia/3890/novamodica-mg

CARTA  ENCÍCLICA SOBRE O CUIDADO DA CASA COMUM

O Papa Francisco lança o urgente desafio de proteger a nossa casa comum, incluindo a preocupação de unir toda a família humana na busca de um desenvolvimento sustentável e integral.


        O gado Gir Leiteiro e o Girolando são as melhores opções racial na produção de leite nas regiões sudeste, nordeste, centro-oeste e norte do Brasil. O Gir Leiteiro e o Girolando aliam a rusticidade e a capacidade de adaptação natural à topografia e ao clima quente, reduzindo os custos de produção com racionalização do uso de ração e medicamentos para o tratamento de ecto e endoparasitas. Atualmente, o mercado consumidor exige cada vez mais qualidade, preços competitivos e respeito ao meio ambiente. A produção de leite a pasto traz benefícios para o consumidor que tem acesso ao alimento mais saudável. O produtor é beneficiado com a redução dos custos de produção, tornando-a mais sustentável do ponto de vista ambiental e mais competitiva economicamente, gerando lucros.  

 

GIR LEITEIRO        

    A Fazenda Estrela do Sul conta em seu plantel com tourinhos Gir leiteiro, filhos de touros provados e classificados nos primeiros lugares do Ranking Nacional da ABCZ/ABCGIL/EMBRAPA e ABCZ/UNESP. A seleção dos nossos touros é feita com base nos registros genealógicos dos ancestrais, PTAL do pai e produção leiteira da mãe e avós. Neste processo de seleção, utilizamos as inovações tecnológicas de marcadores moleculares (Kappa Caseína e Beta Lactoglobulina) Igenity da Merial que identifica e estima o potencial genético de produção de leite de cada animal pela avaliação dessas características genéticas no rebanho.

    Estamos formando um plantel Gir leiteiro selecionado com a aquisição de vacas registradas, doadoras filhas de CA Sansão, Bem Feitor Raposo, Modelo TE de Brasília, Meteoro, CA Guri, entre outros, com lactações sob controle leiteiro oficial ABCZ, atigindo até 7.500 Kg em 365 dias. Produzimos tourinhos Gir leiteiro, filhos de touros provados e classificados nos primeiros lugares do Ranking Nacional da ABCZ/EMBRAPA: Sansão, Jaguar TE do Gavião, Dom TE da Silvânia e Fardo FIV F. Mutum.

     Estamos inseminando o gado Gir leiteiro com: Jaguar TE do Gavião – PTA Leite: 380,9 kg (ABCGIL/EMPRAPA 2014) - 2° do ranking ABCZ 2014 e 2015 - PTA Leite: 872,6 kg; Barbante TE de Kubera - PTA Leite de 597,5 kg (Pai: Bem Feitor) - 3° do ranking ABCGIL/EMBRAPA 2011; Dom TE da Silvânia - EFC 686 (Pai: Meteoro de Brasília). PTA Leite: 264,6 kg - Peso: 913 kg aos 9 anos - 3° do ranking ABCGIL/EMBRAPA 2013; PTA Leite: 582,3 kg (ABCZ 2014); Fardo FIV F. Mutum – MUT 697  (Pai: Radar dos Poções) – Nasc.: 10/06/2006 – Peso: 954 kg  aos cinco anos - PTA Leite: 592,9 kg. 1°colocado do 23º Grupo do Sumário de Touros Gir Leiteiro ABCGIL/EMBRAPA  2015 e PTA Leite: 665,7 kg (ABCZ 2014).



GIROLANDO

     Em 2008,  a Fazenda Estrela do Sul renovou o seu plantel,  adquirindo 50 novilhas Girolando (1/2 Hz) F1,  frutos de inseminação artificial, oriundas de produtores selecionados da região de Viçosa, Ubá, Piraúba e Coronel Pacheco - MG; entre 2009 e 2011, foram adquiridas mais 60 bezerras e novilhas Girolando [(1/4 Hz - 3/4 Gir)] e (3/8 Hz - 5/8 Gir)], a maioria filhas de CA Guri, na região de Teófilo Otoni. Ainda em 2011, a Fazenda Estrela do Sul adquiriu mais 25 novilhas girolando [(1/2 Hz) e (5/8 Hz - 3/8 Gir)], filhas de FINI WILDMAN e ARLISS, ampliando e selecionando o plantel. Em 2012, continuando o seu processo de seleção, a Fazenda Estrela do Sul adquiriu mais 20 novilhas girolando 3/8 Hz, filhas de Jaguar.

    Estamos aplicando as modernas técnicas de IATF - Inseminação Artificial por Tempo Fixo, sob a orientação de profissionais veterinários competentes. Inseminação artificial com touros provados!

- Holandês (HPB): DUFFY - 29HO1308 - PTA Tipo: 1.658 PTA Leite 1.486 kg/lactação. FREDERICK-ET – RGD: HBB AX-116744 – TPI: 1.389 - PTAL: 662 kg/lactação. Sêmen sexado Fertility plus da ABS PECPLAN (Machinist + Mahogany + Throttle). Throttle - 29HO13352 - Touro HPB - TPI: 1633 - PTAL: 1324 kg/lactação. Machinist - 29HO13477 - Touro HPB - TPI: 1624 - PTAL: 810 kg/lactação. ONESHOT - 29HO13316 - TPI: +1892 - PTA leite: 1587 lbs. COLDSPRINGS PONDER-ET - Reg.: AX-137.199 - Nasc.: 02/10/2006 - TPI: 1.892 - Média de produção das filhas 25.154 (Ibs); 007HO08081 

FIV TE com ENSENADA TABOO PLANET-ET - PTA Lite: + 2,179 Lbs – TPI: +2107

- A monta natural ocorre somente com touros Gir Leiteiro registrados e selecionados pelo alto valor genético.


CRUZAMENTOS ALTERNATIVOS

   

(GUZERÁ LEITEIRO + GIROLANDO F1)

Guzerá leiteiro é utilizado como alternativa zebuína nos cruzamentos onde já foi utilizado o touro Gir. Na Fazenda Estrela do Sul, utilizamos sêmen de touros Holandeses provados sobre vacas Gir PO, formando novilhas Girolando meio-sangue (F-1). Estas novilhas são inseminadas com Guzerá leiteiro provado - Remanso TE Taboquinha (PTA Leite: 552 kg); Sulfo TE da TABO (PTA Leite: 451 kg) ou Nápole TE JF (PTA Leite: 393 kg) - formando o cruzamento triplo "TRICROSS LEITEIRO TROPICAL", com percentual de zebu (50% Guzerá leiteiro, 25% Holandês, 25% Gir leiteiro) ideal para produção de leite em pastos nas regiões tropicais, quentes e montanhosas!

Fertilização In Vitro (FIV) e Tranferência de Embriões (TE)

     A biotécnica da Fertilização In Vitro (FIV) tem por objetivo acelerar a produção de animais geneticamente superiores. Juntamente com a inseminação artificial e transferência de embriõesa FIV é uma técnica responsável pela intensificação do melhoramento genético dos rebanhos bovinos de leite e corte.

    O Brasil é o grande produtor de embriões de bovinos, tanto pelo método convencional de Transferência de Embriões (TE) a fresco ou em laboratórios por meio da Fertilização In Vitro (FIV).

     Segundo a entidade internacional Embryo Transfer Society (Iets), criada com o propósito de orientar, assistir e fiscalizar o desenvolvimento das pesquisas no campo das biotecnologias reprodutivas, o Brasil é apontado como referência mundial na produção de embriões. O país atualmente é líder mundial na produção de embriões por meio da técnica de Fertilização in vitro (FIV). Segundo os últimos dados da SBTE, esta técnica vem tendo um constante crescimento, tendo sido produzidos no Brasil 196.663 embriões de FIV no ano de 2006, um número quase três vezes superior à produção de embriões pela TE convencional (SBTE, 2007).

     A Produção de Embriões in vitro (PIV) envolve as seguintes etapas: Aspiração Folicular (OPU), Maturação Ovocitária in Vitro (MIV), Fertilização in Vitro (FIV), o Cultivo in Vitro e, por fim a Transferência dos Embriões para as receptoras (inovulação).

     A Aspiração Folicular Ovariana Guiada por Ultrassom (OPU) é a primeira etapa da PIV. A OPU compreende a obtenção dos óvulos diretamente do ovário das vacas doadoras com o auxílio de um equipamento de ultrassonografia. Os folículos ovarianos visualizados no aparelho de ultrassom são penetrados com uma agulha ligada a um sistema de vácuo, aspirando o conteúdo líquido e com ele o óvulo. Estes óvulos coletados são rastreados, selecionados e envasados para envio a um laboratório onde serão produzidos os embriões.

     Pelo método convencional de reprodução por meio das técnicas de Inseminação Artificial (IA), cada vaca doadora pode dar no máximo um bezerro por ano, nas técnicas de TE e FIV o rebanho é multiplicado em número de 15 até 50 crias por ano, respectivamente.

     O efeito desse resultado é extremamente positivo para o melhoramento genético do gado, mas só sendo executado por profissionais gabaritados para tal e em condições propícias. O domínio da técnica de aspiração folicular possibilitará ampliar o campo de atuação do veterinário em um mercado de grande potencial e em constante crescimento, garantindo boa remuneração por um serviço diferenciado.

Fonte: http://www.revistaveterinaria.com.br/2013/01/08/aspiracao-folicular-opu-para-fiv-em-bovinos/A ABCZ divulga os procedimentos administrativos no Manual de Sistema de Biotecnologias de TE e FIV em https://www.abczstat.com.br/atestveterinarios/material/Manual.pdf
       

       Localização



        Nova Módica fica na região leste de Minas Gerais, a 43km da BR116 (Rio-Bahia), por asfalto. A entrada fica no km 337 da BR116, entre Teófilo Otoni e Governador Valadares. Distâncias:
Nova Módica - Teófilo Otoni: 110 km
Nova Módica - Governador Valadares: 120 km
Nova Módica - Barra de São Francisco (ES): 160 km
Nova Módica - Belo Horizonte: 430 km
Nova Módica - Rio de Janeiro: 721 km
Nova Módica - Salvador: 1.032 km 


 PARA VER AS FOTOS DE NOVILHAS GIROLANDO À VENDA, ACESSAR A PÁGINA NOVILHAS MESTIÇAS DESTE SITE

CLICAR NAS FOTOS PARA OBTER O TAMANHO REAL

História

O nome de Nova Módica é uma justa homenagem ao padre italiano Frei Gaspar de Módica. Em 1941 Frei Inocêncio Caruzzo e Frei Gaspar de Módica fundaram o arraial, denominado São Jorge. Em 1953, recebeu o título de distrito de São Jorge, pertencente ao município de Itambacuri. A emancipação política ocorreu em 1962.

Em 1951, Napoleão Barbosa Dantas e Maria Cangussu Borborema mudaram-se para São Jorge, adquirindo a Fazenda Estrela, posteriormente denominada Fazenda Estrela do Sul, que pertence à família desde então.

       Lica nasceu Maria (Cangussu Borborema) em Jacaraci, filha de Leôncio Dias Borborema e Izalina Dias Cangussu. Jovem e bela enamorou-se de Napoleão Barbosa Dantas (Nenzinho) com quem se casou. O casal aventurou-se em São Paulo e Paraná, mas foi na Fazenda Estrela, Nova Módica - MG (1951) que lavraram a terra, plantando sementes honestas e perenes. Foram embora para Teófilo Otoni onde descobriram que “Tinha uma pedra no meio do caminho. No meio do caminho tinha uma pedra...” Desviaram-se dela à procura de um Belo Horizonte. Foram pensando nas raízes da terra e um dia, quem sabe? “Aqui me tens de regresso”. Porque a vida é viável, volúvel, fugaz, transitória.
Juntos, navegaram uma vida oceânica, com muito amor!
Enquanto um era
o mar, o outro céu
a praia, o sal
o sol, a lua
o farol e a bússola...
guiando-nos nessa terra fértil em amigos sempre presentes e que ostentam a arte de conviver e confiar que a semente é boa e a vida é só poesia, a vida é poesia só!

   Nova Módica                                                                  

Frei Gaspar de Módica
semeou anos e suor
plantou a semente
que brotou e cresceu
em ti, humilde e fértil
religiosamente, te educou
em tua infância árida.
Hoje
tombado pelo machado da velhice
(aroeira cansada de tanta luta)
descansa em paz
onde o arco-íris também descansa
... compartilham os mistérios da eternidade
quando o sol se vai.
Só tu, Nova Módica
peregrinas ao relento
e afogas teus filhos nas águas oceânicas
do córrego de São Jorge.

(J. Dantas)